CHANEL AWARDS 2020 – Votação

Fim de ano no JESUS USAVA CHANEL é uma época em que escolhemos majoritariamente as coisas que NOS interessaram durante o último ciclo anual. Mas é claro que nós prezamos pela interação com você twinkzinho que faz parte do nosso público e, por isso, criamos uma ferramenta para saber o que VOCÊ curtiu consumir de porcaria na internet durante o ano: o CHANEL AWARDS!

Como nós somos um blog de renome e NÃO vamos deixar vocês darem pitaco nas nossas listas musicais sérias, essa premiação é dedicada apenas aos âmbitos da futilidade, irrelevância, memes e, claro, muito shitposting. Mas não se engane: mais do que uma premiação, o CHANEL AWARDS é a sua oportunidade de contribuir para fechar esse penoso ciclo pandêmico com chave de ouro votando em suas personalidades, obras imagéticas, auditivas ou audiovisuais favoritas. Caso já tenha conferido os indicados pelo twitter, você pode votar agora através deste suculento link de votação. Caso ainda não saiba quais são as nossas 8 incríveis categorias, confira os indicados abaixo e vote através do formulário no fim do post!

Os resultados do CHANEL AWARDS serão divulgados na próxima segunda-feira, dia 28 de dezembro, aqui mesmo no blog, então não perca!

Não existe um ano decente sem uma boa rivalidade feminina. E pasmem, até 2020, que foi um ano ardiloso, teve algumas rivalidades femininas de destaque (mesmo que a maioria delas tenha se limitado ao âmbito dos reality shows). Como indicadas temos Bianca Andrade vs. Rafa Kalimann, que trouxeram uma tosquíssima rivalidade de influencers para rede nacional (relembre aqui); Ludmilla vs. Anitta, que há anos se engalfinham e em 2020 geraram o single “Cobra Venenosa” e o infame vocábulo “patroa” (relembre aqui); e também a rivalidade Kim Kardashian vs. Kourtney Kardashian, que rendeu uma desesperada agressão física no intuito criar hype para a última temporada do reality da família (relembre aqui).

Se tem uma palavra que pôde descrever 2020, essa palavra foi “desespero”. Mas vamos poupar vocês dos desesperos políticos ou de saúde pública desse ano e focar nos desesperos mais importante. Dentre os indicados a Desespero do Ano nós temos a milésima tentativa de hit internacional da MC Tribunal Regional do Trabalho: Anitta – Me Gusta (feat. Cardi B & Mike Towers) (relembre aqui); a participação completa da desesperadíssima Luíza Ambiel no reality “A Fazenda” (relembre aqui) e a desesperada tentativa de fama na pandemia do ator Victor Ferraz em sua live pornô através do icônico usuário @boteinoseurabo (relembre aqui).

As obras gráficas da internet ficaram cada vez mais nichadas esse ano, mas ainda assim tivemos bons exemplos do impacto que uma simples edição de imagem pode causar no mundo do design. Entre os indicados para Obra Gráfica do ano estão o estático “Valeu Favela!” da Ivy Moraes (autor: Central Ivy Moraes Facebook), o estático que dispensa explicações pois elas não existem Adriana Birolli: So Sour Candy (autor desconhecido) e a sequência de estáticos Manu Gavassi: Meus Prêmios Nick (autor desconhecido), onde a subcelebridade brasileira é engolida por estátuas do prêmio de maior relevância da indústria do entretenimento (após o CHANEL AWARDS, claro).

Saindo do âmbito imagético, vamos para o âmbito sonoro. Dentre os indicados a Áudio do ano temos Claudete Lima: Não Eleita, um icônico desabafo que nos sensibiliza sobre as nuances do fracasso (relembre aqui); Ygona Moura: Meu, apaga isso, uma curta epopeia moderna regada a um pouco de catarro (relembre aqui) e, por último, Agathar Nunes: Tô malr, um melancólico AMSR que avança a língua portuguesa direto para o futuro (relembre aqui).

Não dá pra sobreviver a um ano sem um pouco de shitposting, não é? Dentre os indicados a Shitposter do ano estão @reportbts (conta deletada), a icônica conta em que os fãs do BTS denunciavam qualquer pessoa que falasse mal do grupo; @niziu_charts (conta deletada), uma fan account do grupo Niziu que lotou a internet de shitposting e inventou o icônico apelido “Dragão de komodo da Coreia” para a cantora Hwasa (relembre da conta aqui); a incansável Reitora da FUDERJ @naluhzita e seus intermináveis shitpostings sobre sexo e, por fim, a conta de acervos da Lay Mundial @acervolay, sempre trazendo o melhor do conteúdo do maior ícone cearense da história.

Em um ano onde nossas interações foram majoritariamente virtuais, o audiovisual esteve mais em alta do que nunca. Como indicados à nossa categoria de Vídeo do ano temos Lolly Vômito com seu incrível monólogo sobre Sororidade (relembre aqui); a conselheira amorosa Danielle Leite com seu estudo sobre Dor ou Prazer (relembre aqui); o governador de São Paulo João Dória com sua performance de Babylon num palanque eleitoral (relembre aqui); o incrível e bem elaborado vídeo com o compilado de fracassos do single More & More do TWICE, que mexeu o mundinho do K-pop (relembre aqui); a demagogia intrínseca de Jojo Toddynho em um comercial para a Prefeitura do Rio de Janeiro (relembre aqui) e, não menos importante, a professora Lilian Jóia fazendo sua introdução no programa Esquadrão da Moda com um supercut de seus looks mais extravagantes (relembre aqui).

Personalidade do ano é a categoria mais direta do CHANEL AWARDS. Quem foi a maior meme personality de 2020 pra você? Como indicadas temos as autoexplicativas Ygona Moura, MC Kelly, Juliana Bonde, Francis Simas, Lay Mundial e Maria José Cardoso.

Apesar de todo o dedo no cu e gritaria, 2020 até que foi um ano non-event. Mas isso não impede que tenhamos acontecimentos relevantes o suficiente para ter deixado sua marca nesse ciclo anual. Os candidatos a acontecimento do ano são o Caso Flordelis e seus deliciosos desdobramentos cheios de assassinato e incesto (relembre aqui); a participação sem precedentes da Aretuza Love ao vivo no Amstel Apresenta Live LGBT+, cantando hits como “Pisa Menos” e “I Love You Corote” (relembre aqui), e a polêmica que abalou as estruturas do pop asiático com a Irene do grupo Red Velvet humilhando uma estilista e rendendo memes para o ano inteiro – além do limbo para o seu próprio grupo (relembre aqui).

VOTE NO NOSSO FORMULÁRIO ABAIXO OU CLICANDO AQUI.

[center]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s