TRACK REVIEW: CHUNG HA – Snapping

O comeback de uma das solistas mais cobiçadas da Coreia do Sul finalmente aconteceu, CHUNG HA mostrou todo seu talento e versatilidade enquanto artista com “Snapping”. O lead single de seu quarto EP, “Flourishing”, expõe a artista ao gênero do hip-hop, com as batidas de trap ao fundo e a estrutura musical que mais se adequa ao estilo da ex-IOI. A intérprete de “Gotta Go” que já tinha mostrado que andava dando passos certeiros com o single já citado, continua seu legado ainda prematuro, solidificando-se através de músicas onde os produtores sabem explorar a potência vocal da menina. “Snapping” pode não ser melhor que seu último single, mas sem dúvidas é uma faixa despretensiosa, divertida, que explora bastante os synths ao lado do hip-hop, e firma o nome da cantora em um selo de qualidade que a difere de outros.

Se em “Gotta Go” podemos ver as flautas étnicas que tem tomado tanto a Coreia do Sul – tendência que se estendeu entre vários artistas – sendo usada da melhor forma possível, “Snapping” trás também algo de novo. O pop de CHUNG HA vem amadurecendo a cada lançamento da gata, dessa vez conseguimos ver quão boa é a junção entre a própria e o trap que toma conta da maior parte da música. Em uma produção bastante refinada – claramente se distanciando de várias músicas de hip-hop que parecem demos rejeitadas da Tinashe -, “Snapping” é original, pegajosa e até mesmo sensual.

Com um pouquinho de algumas produções recentes da cantora Ariana Grande nas suas influências pop – CHUNG HA mesmo admitiu se inspirar bastante na cantora -, a música tem uma “esque” de sedução, nos submetendo à um jogo de flertes que parte dos dois lados. CHUNG HA está praticamente assumindo sua irresponsabilidade emocional ao dizer que pode se livrar do seu pá em um “estalar de dedos” – o “snapping” -, além de tudo ela sabe dessas coisas e não liga. Quase como uma predadora emocional, ela também tem uns momentos de culpa onde ela diz que sua mente é doente, mas que no final dessa história ela vai ficar bem.

Independentemente, a faixa de CHUNG HA tem seu mérito em estabelecer o nome da cantora na disputa pelo hit do verão e um hit que nem precisa apelar pela temática da estação. A música é quase que instantaneamente um smash por sua estrutura, seu refrão onde a potência vocal da cantora aparece só não é melhor que a hook pegajosa onde ela repete “i know” várias vezes, se aproximando até mesmo do famoso estilo asmr-pop quando complementa a frase. Essa música prova, além de tudo que ela sabe trabalhar muito bem a sua voz, que no começo de tudo não parecia ser tão radio-friendly por conta do seu único tom – mas convenhamos que o tropical house também não ajudava a gatinha.

Superando as críticas que são jogadas à ela, explorando novos gêneros e se firmando ainda mais na indústria de k-pop como uma hitmaker – e uma que lança material de qualidade – CHUNG HA não decepciona com “Snapping”, ela supera as expectativas. A faixa pop infectada de trap, flertando com o hip-hop nos deixa sedento por uma outra ouvida e ainda nos faz pensar em um caminho sólido para a carreira da própria.